17/05/2018

Vândalos danificam igrejas e comércios de Artur Nogueira

Após ataques da semana passada, novos estabelecimentos foram vandalizados no município

Da redação

Igrejas e comércios de Artur Nogueira têm sido alvos de vandalismo desde a semana passada em Artur Nogueira. Depois de três comunidades evangélicas terem vidraças quebradas na mesma tarde, ataques semelhantes voltaram a ocorrer na cidade desde segunda-feira (14).

Pelo menos oito imóveis sofreram avarias. As vítimas desconfiam que os danos tenham sido causadas pela mesma pessoa ou, ainda, um mesmo grupo.

Na quinta-feira (10), três igrejas nogueirenses foram vandalizadas: a Comunidade Evangélica Missão Vida, um templo da Igreja Internacional da Graça de Deus e um da Igreja Universal do Reino de Deus. Todos tiveram vidraças quebradas. A princípio, desconfiou-se que os ataques foram feitos com algum tipo de arma fogo, ou pressão, mas ainda não há uma constatação sobre a motivação dos atos.

No entanto, na segunda-feira (14), novos ataques ocorreram. A Comunidade Evangélica Missão Vida, do pastor Cristiano Bervint, voltou a ser vandalizada e teve mais duas vidraças destruídas. Segundo o líder eclesiástico, um templo da Igreja do Nazareno, uma churrascaria do Jardim Blumenau e um imóvel da Avenida XV de novembro também foram danificados, tendo vidros quebrados.

Segundo Bervint, ataques semelhantes ocorreram em Cosmópolis (SP), onde outros imóveis de igrejas e comércios foram atacados. Mais uma vez, os vândalos se limitaram a quebrar os vidros dos estabelecimentos. Não se sabe a identidade do autor, ou dos autores dos crimes, mas, segundo Bervint, foram realizados com arma de pressão.

Na noite de terça-feira (15), pelo menos outros três atos muito semelhantes foram registrados: um salão de beleza, uma loja de tintas e uma loja de veículos. Todas tiveram apenas vidros estilhaçados. A suspeita, mais uma vez, é que os danos tenham sido provocados por algum tipo de arma de pressão.

Adriano Arrivabene, gerente da loja de veículos vandalizada, conta que a vidraça do estabelecimento foi quebrada por volta das 20 horas. Ele também afirmou que a Polícia Municipal está investigando o caso e já possui alguns suspeitos.

Henrique Ambrósio, gerente da loja de tintas, afirma que o comércio já havia sido vandalizado no ano passado, mas não com uma arma de pressão, como na terça (15). Segundo ele, uma vidraça da loja foi quebrada por volta das 19 horas. O comerciante, porém, não sabe dizer o que pode ter motivado os ataques.

“Cada um fala uma coisa. Uns dizem que o cara [vândalo] está zoando. Sei lá. A gente pensa de tudo. Parece até a gangue do vidro, que quebra para ter movimento [no setor]. Será que tem gente grande envolvida nisso?”, especula. Ele conta que está procurando por filmagens da noite de terça (15) para tentar identificar algum suspeito dos crimes.

Leia mais

Igrejas evangélicas são alvos de vandalismo em Artur Nogueira

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.